Olá ! Sejam Bem Vindos | TELEFONE: (44) 3035-7476

HomePortal de NotíciasMotorista morre carbonizado após acidente envolvendo picape e caminhão-tanque na PR-445

Motorista morre carbonizado após acidente envolvendo picape e caminhão-tanque na PR-445

Motorista morre carbonizado após acidente envolvendo picape e caminhão-tanque na PR-445

O motorista de uma picape morreu carbonizado depois de uma batida contra um caminhão-tanque, na manhã desta quarta-feira (3), em Cambé, no norte do Paraná. A vítima não tinha sido identificada até a última atualização desta reportagem.

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), a picape e o caminhão, carregado com combustível, seguiam em sentidos contrários quando bateram.

O caminhão-tanque tombou fora da pista e não houve vazamento de combustível, segundo a PRE. Já picape foi parar do lado oposto, também fora da rodovia, e pegou fogo. O motorista morreu dentro do veículo.

O condutor do caminhão, Janaildo Gonzaga Neris, de 57 anos, ficou ferido sem gravidade e foi encaminhado para um hospital de Londrina, na mesma região.

Otonildo Apóstolo Barreto estava atrás do caminhão e viu o momento do acidente. A caminhonete dele chegou a bater de leve na traseira do caminhão, mas ele conseguiu tirar o veículo da pista.

“Eu estava atrás do caminhão e, quando eu vi, o carro bateu de frente com o caminhão. Bateu, a cabine do caminhão virou e o caminhão capotou e eu virei a caminhonete para o mato”, explicou.

Por causa da batida, o trânsito na PR-445, que é de pista simples, ficou complicado e filas enormes se formaram nos dois sentidos.

Não houve bloqueio total da rodovia, mas foi adotado um esquema de revezamento do tráfego. A PRE não informou quantos quilômetros de lentidão foram registrados.

Por volta das 10h30, a PRE informou que seria necessário fazer o transbordo da carga de combustível do caminhão-tanque, para retirar o veículo do local.

Acidentes na PR-445

Trata-se do segundo acidente com morte em três dias. No domingo (30), a cerca de 2 quilômetros do acidente desta quarta, outra batida envolvendo dois carros e um caminhão causou a morte de quatro pessoas da mesma família.

O motorista de um dos veículos está preso preventivamente. Ele estava dirigindo embriagado e é suspeito de ter causado o acidente durante uma ultrapassagem em local proibido.

Para a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), fica o alerta de que a prudência é o que faz a diferença na estrada.

“Infelizmente, a maioria dos acidentes é causada pela desobediência às leis de trânsito: velocidade incompatível, sinalização”, afirmou o soldado da PRE Edson Mônica.

Fonte: G1 Paraná.

Compartilhar