Olá ! Sejam Bem Vindos | TELEFONE: (44) 3264-2018

HomeEsportesEm jogo com interrupção de uma hora, Paraná e Náutico ficam no empate

Em jogo com interrupção de uma hora, Paraná e Náutico ficam no empate

Em jogo com interrupção de uma hora, Paraná e Náutico ficam no empate

Resumão

O jogo entre Paraná e Náutico ficou paralisado por uma hora no segundo tempo, por conta de uma queda de energia na Vila Capanema. Antes e depois do apagão, no entanto, as equipes não conseguiram mexer no placar. Os pernambucanos foram melhores no primeiro tempo, os donos da casa cresceram e tiveram mais chances no segundo, mas o placar da partida, válida pela 14ª rodada da Série B, não saiu do 0 a 0. Ambos os times acumulam quatro jogos sem vitórias na competição.

  • Tabela

    Com o empate, o Paraná chega a 23 pontos em 14 jogos. A equipe pode sair do G-4 caso a Ponte Preta vença o Guarani. Já o Náutico subiu um posto: é o 13º, com 15 pontos em três partidas.

  • Próximos jogos

    O Náutico permanece longe do Recife. Na sexta-feira, visita o América-MG, no Independência, às 19h15. O Paraná joga no dia seguinte. Enfrenta, às 18h30 do sábado, no Rei Pelé, o CSA.

    • Primeiro tempo

      Apesar de fora de casa, foi o Náutico o time que comandou as ações durante a maior parte do primeiro tempo. Com uma formação ofensiva, o time de Gilson Kleina foi mais agressivo, subiu a marcação e conseguiu criar as melhores chances. Foram três oportunidades reais de gol, mas todas muito bem defendidas pelo goleiro Alisson, destaque da etapa inicial. Com o decorrer da partida, no entanto, o Paraná cresceu, e teve duas chegadas com real perigo, mas ambas desperdiçadas pelo centroavante Léo Castro.

    • Segundo tempo

      No início do segundo tempo, o Paraná esteve melhor. Com mais posse de bola e presença no campo ofensivo, a equipe conseguiu chegar com perigo, especialmente em dois chutes de perna esquerda de Gabriel Pires, em que Jefferson trabalhou bem.

      Após a interrupção, no entanto, o time não conseguiu manter a pressão. Continuou com a posse de bola, mas teve dificuldades para criar chances, enquanto o Náutico também não assustou.

      Aos 15 minutos de segundo tempo, caiu parte da energia da Vila Capanema. A arbitragem interrompeu a partida, com risco de não ser concluída nesta terça. Após uma hora de espera, o gerador do estádio enfim funcionou – e a partida pôde ser acabada.

      Segurança

      O goleiro Alisson foi o principal destaque do Paraná, sobretudo no primeiro tempo. Ele fez duas grandes defesas, em chutes de Ruy e, principalmente, no disparo de Dudu, de dentro da área. Com agilidade, fez belo salto e tocou na bola de mão trocada, evitando um gol certo do Náutico.

      • Em busca de ritmo

        Os meias Ruy e Dudu começaram pela primeira vez como titulares do Náutico e tiveram participações importantes no início do jogo. Mas ambos caíram de rendimento na segunda etapa, principalmente Ruy, substituído por Djavan.

      • Pneu furado

        O zagueiro Camutanga se aventurou no ataque e teve chance de fazer um golaço no segundo tempo da partida, mas, na hora de se consagrar, armou a bicicleta e… furou. Errou a bola.

        Fonte: Globoesporte.com

Compartilhar